segunda-feira, 22 de dezembro de 2008

Som Silencioso

Aqui se dissolve
Um som azul
Aqui...
Sombras vagam e escutam essa voz
Silencioso
Ouça o som
Silencioso

Ah...
Alma da noite
Esse escuro
Os fantasmas, a voz
Nunca fique a sós...
Essa voz...

Siga o som...

Aqui me envolve
Estrela azul
Aqui...
O escuro me carrega em suas mãos
Misterioso
Há um anjo
Misterioso


O anoitecer
Adormece
Impossível esquecer
Aquele silêncio

Som azul,
Os fantasmas
Virão.

Encruzilhada,
Um anjo.
Encruzilhada
Encruzilhada,
Um anjo...

Noite...

Escute, há uma voz
O som azul,
Os fantasmas
Virão
Siga o som
Das sombras na escuridão.



Jejels, 22/12/2008.

Nenhum comentário: