quarta-feira, 8 de julho de 2009

Somente o vazio

Não há o que dizer
Não há o que pensar
Sem ninguém para ouvir

Não há o que ler
Não há o que aprender
Sem ninguém para ensinar

Não há a quem amar
Não há a quem se dedicar
Sem ninguém para compartilhar

Não há o que se discutir
Não há o que planejar
Sem ninguém para se debater

Não há onde fugir
Não há onde se esconder
Sem ninguém para proteger

Não há o que compor
Não há o que cantar
Sem ninguém para aplaudir

Não há o que orar
Não há o que se arrepender
Sem ninguém para sofrer

Não há o que temer
Não há o que se acovardar
Sem ninguém para ameaçar

Não há o que escrever
Não há o que expressar
Sem ninguém para criticar

Há um vazio a espera de ser preenchido
Não com metáforas e antagonismos
Mas com amor e humanidade.



Agamenon Troyan (retirado de http://www.overmundo.com.br)

Nenhum comentário: