quarta-feira, 13 de janeiro de 2010

Imprevisto

Nunca tinha imaginado que seria assim,
Mas as surpresas não pararm por aí.
Acontece que há um estranho em meu jardim
Que ainda está sendo explorado.

E perante todos os perfumes,
Ele consegue ser diferente;
Perante todos os defeitos,
Consegue ser triunfante.

Ainda não sei qual o seu propósito,
Não sei ao certo sua personalidade,
Apenas sei que na dor de meu proprio óbito,
Ele conseguiu me salvar da insanidade.



Jejels, 13/01/2010.

*Dedicado a uma pessoa diferente. Parabéns pelo seu dia e obrigada por ter me ajudado.

Um comentário:

Luiz Paulo ¬¬¬ disse...

=D ...q lindo!

Adorei!!!! *¬*

bjuh