domingo, 10 de janeiro de 2010

O vento

A luz da lua guia meus passos
Por todos os lugares,
Pelos diferentes ares
Que o vento carrega.

As palavras dissolvem-se na chuva,
Na melodia celeste do Sul,
Na melancolia azul
Que o vento divulga.

Os pensamentos são interrompidos
Pelo frescor da estação,
Pelos batimentos de um coração
Que para longe, o vento soprou.




Jejels, 10/01/2010.

Um comentário:

luh* disse...

Nossa, esse vento eh forte hein?! Ficou mt booom!!