sábado, 15 de maio de 2010

Realidade X Ficção

Às vezes você, tão encantador com seu olhar, me pergunta sobre coisas sem sentido... coisas que não passam de ficção, de uma vaga ideia que pairou sobre minha cabeça num momento de inspiração em que eu estava escrevendo. Simples ideias traduzidas em letras que podem causar grandes confusões se forem mal interpretadas. Mas, pensando bem, pra alguém que já é um sonho, deve fazer algum sentido...
Não sei como pude imaginar algo tão perfeito, mas o mais incrível é que você consegue ser convincente. Consigo acreditar que é real... devo mesmo estar ficando louca... muito, muito louca.
No fim das contas, gosto de ser assim. O parafuso que me falta acaba me fazendo mais feliz que nunca, pois, se eu não fosse tão sonhadora, jamais teria criado você em minha mente... e se não fosse tão louca, jamais acreditaria que você poderia se tornar realidade.
E cá estamos nós...
Bendita seja a noite em que sonhei com você.



Jejels, 15/05/2010.

Nenhum comentário: