quinta-feira, 17 de março de 2011

Camisa de força

A garotinha ingênua,
Aquela doce criança
Está sendo sufocada.

Não consigo continuar,
Falta-me ar para respirar,
Falta-me o bem mais precioso...

Preciso de espaço para voar,
Preciso de liberdade para sorrir.
Um segundo a mais nessa camisa de força
Me fará explodir.




Jejels, 05/03/2011.

Um comentário:

Marina disse...

Se você ficar imovel na camisa de força, você nunca vai se soltar... Tente, com muito cuidado, arrebentar as costuras aos poucos.

Marina(Pata)