sexta-feira, 29 de abril de 2011

Afeto

Às vezes as pessoas me surpreendem. Quando eu menos espero, lá estão elas, mostrando um lado totalmente inesperado, cuja existência eu jamais poderia imaginar. Repentinas mudanças de humor, demonstrações de carinho, explosões de alegria... a euforia é a emoção que mais gosto de vivenciar. Algumas pessoas têm esse poder de transformar o dia da gente com simples palavras e atos. E isso é o que mais me encanta, o que me motiva a viver.
Gosto de valorizar quem eu quero bem. Cultivo cada amizade, cada laço afetivo com atenção e carinho, com cuidado e amor. Há quem diga que sou louca e que distribuo pedaços do meu coração para quem não os merece, mas eles não sabem o que eu sei. Eles desconhecem o valor que a simplicidade tem na vida, o valor de uma amizade, o valor de uma companhia.
As diferentes essências me encantam e me fazem sorrir. Espero eu poder retribuir esse vigor que me dão para viver a vida. Quando eu poderia estar caindo aos pedaços, render-me ao cansaço, sucumbir ao pranto, são eles quem me motivam a erguer a cabeça.
Com certeza, a vida ainda é um mistério para mim como para tantos outros, mas tenho certeza de que é isso que a faz valer à pena: o amor que construímos por aqueles que nos fazem bem.






Jejels, 29/04/2011.

Pauta para a 66ª edição musical do Bloínquês.

Nenhum comentário: