sábado, 13 de agosto de 2011

03:07 am

Nem sempre sabemos explicar o que acontece conosco, porém... quem um dia já recebeu uma notícia que mudou imediatamente seu estado emocional – e para pior – sem saber bem explicar a razão disso, pode ter uma ideia do que se passa comigo. Quem um dia já ficou mal e, de repente, começou a socar o próprio colchão e atirou o celular em qualquer lugar por um impulso explosivo que ardia dentro de si, pode saber o que se passa comigo. Quem um dia não conseguiu dormir e ficou pensando justamente nessas coisas que causam essas reações sem conseguir mandá-las embora, pode saber também. E também poderá ter uma noção aquela pessoa que acordou no meio da madrugada pensando exatamente nisso e, ainda sem força para lutar contra os próprios pensamentos, apenas rendeu-se a eles e passou horas insone e solitária deixando que as lágrimas tentassem inutilmente levar para fora de si esses sentimentos que não deveriam estar ali.



Jejels, 13/08/2011.

Nenhum comentário: