quinta-feira, 29 de setembro de 2011

Resposta

Se eu te dissesse
Que nem verdes,
Nem azuis,
Mas um espectro tão abrangente
De luzes que neles penetram
Por desejo e curiosidade.

Não são os caminhos das minhas cores,
Mas das coisas,
Dos outros
E do mundo que tento absorver
Numa busca incessante
De dar vida a mim mesma com um pouco de cor.






Jejels, 18/09/2011.

Um comentário:

Um brasileiro disse...

Olá. Tudo em paz? Estive aqui dando uma olhada. Muito legal. Apareça por la. Abraços.